Namoro cristão: começo, meio e finalidade.



     Está apaixonado(a)? 
Isso é maravilhoso!  
     O amor romântico é uma das sensações mais lindas que podemos experimentar.      
     Pertencendo à Jesus, creio que você deseja ter um namoro cristão. 

     Início
     Namoro cristão não começa com beijo, mas com oração. Assim que o sentimento brota deve ser submetido à Jesus, o Senhor, conhecedor de nosso íntimo. Como o sentimento tem a tendência de suplantar (e as vezes abafar) a voz do Espírito em nosso interior, vale a pena procurar um conselheiro espiritual, mais maduro que nós. No caso, nosso líder espiritual mais próximo (Pv 15:25 e 24:6).

     Meio
     Namoro cristão busca o conhecimento espiritual e psicológico do outro. O conhecimento físico é proibido por Deus para o período do namoro (ou noivado) sendo reservado unicamente após a aliança do casamento. A prática sexual antes do casamento é fornicação, um ato condenado por Deus. A violação dessa determinação divina, acarreta perda de comunhão com Deus, prejuízo de nosso testemunho, enfraquecimento da fé e grandes prejuízos ao nosso futuro (Ef 5:3 - Cl 3:5 - 1a Ts 4:3).

     Fim
     O namoro cristão, diferentemente dos demais, tem como objetivo o casamento. Não significa que temos a "obrigação de casar" assim que iniciamos o relacionamento, mas que, desde o inicio, a meta seja esta. O casamento glorifica à Deus, Senhor da criação, que nos fez à sua imagem e semelhança (Gn 2:24 e Hb 13:4) .

     Como cristão, acredito que você já entendeu que a decisão mais importante de sua vida, após aceitar à Cristo, seja a escolha de seu futuro cônjuge. Não leve isso na brincadeira. Não seja irresponsável nesta questão. Haja com prudência, paciência e temor à Deus. Você será recompensado.

Pr. Sérgio Marcos
sergiomarcos59@hotmail.com

INSTAGRAM FEED

@soratemplates