Existe erro nas traduções da Bíblia?

   

     As Bíblias que temos à disposição em português são  a Palavra de Deus em nosso idioma, traduzidas dos originais. As diferenças entre as várias traduções não comprometem a revelação de Deus. 


     Existem dois modelos de tradução: 
     a) palavra por palavra, sendo as mais usadas as traduzidas por João Ferreira de Almeida: a Revista e Corrigida e a Revista e Atualizada, publicadas pela Sociedade Bíblica do Brasil. 
     b) equivalência dinâmica, ou seja, traduz-se o sentido do texto e depois o mesmo é transportado para os nossos dias usando palavras faladas atualmente. As versões mais conhecidas são a Nova Versão Internacional (NVI) e a Nova Tradução na Linguagem de Hoje (NTLH).

     Por que escolhi a NVI.
     Particularmente escolhi a NVI por preservar a nobreza das expressões da Revista e Atualizada, e por dar sentido exato a termos teológicos, como por exemplo: "carne". As vezes significa "corpo humano" ou "humanidade", outras vezes, "natureza pecaminosa". A palavra grega "sarx" não é sempre traduzida como "carne", mas em seu sentido verdadeiro no texto.

     Infelicidade.
     No seminário "Raízes judaicas da fé cristã", Pr, Jaime Araújo não foi feliz em apontar um erro de tradução na NVI e em outras versões, o que causou um certo desconforto entre os que estavam presentes. A reação foi óbvia: pessoas procurando saber qual era a Bíblia "certa".
     O texto em questão foi Isaías 32:1,2 onde lemos:  ​"Eis aí está que reinará um rei com justiça, e em retidão governarão príncipes.  ​Cada um servirá de esconderijo contra o vento, de refúgio contra a tempestade, de torrentes de águas em lugares secos e de sombra de grande rocha em terra sedenta" (Revista e Atualizada).
     Na oportunidade o preletor disse que esta tradução favorece o catolicismo e a canonização dos "santos" como pretensos intermediários entre Deus e os homens. Não consigo enxergar isso. Pelo contrário. Se o verso primeiro fala de Cristo, "Rei que reinará com justiça", o verso dois fala da Igreja: "cada um servirá de esconderijo". O efeito do reinado deste REI (Jesus) será um povo com Suas características, seus imitadores, seus discípulos. A expressão "uns aos outros" nas epístolas do Novo Testamento, apontam para a doutrina bíblica do sacerdócio de todos os crentes: 

  • "Confessai os vossos pecados uns aos outros"
  • "Orai, uns pelos outros"
  • "Perdoai-vos mutuamente"
  • "Encorajai-vos uns aos outros"
     Em outras palavras: "Cada um servirá de esconderijo para o seu próximo".
     
     Existem Bíblias "erradas"?
     A Bíblia usada pelas Testemunhas de Jeová é a "Tradução do Novo Mundo das Sagradas Escrituras", e foi modificada onde há referências explícitas a divindade de Cristo, doutrina cristã negada pelos TJ´s. 
     A Bíblia Católica, em todas as suas versões completas, trás oito livros a mais, todos no Antigo Testamento. São considerados apócrifos por não serem reconhecidos pelos judeus como canônicos e por conter textos que sugerem doutrinas contrárias à revelação das demais Escrituras.

sergiomarcosmevec@gmail.com


     

INSTAGRAM FEED

@soratemplates